O conteúdo desta página requer uma versão mais recente do Adobe Flash Player.

Obter Adobe Flash player

Em busca da felicidade... Mais?

Bem, conforme uma pesquisa feita pela Fundação Getúlio Vargas, em parceria com a consultoria Gallup, que mostra que nosso país está em primeiro lugar como o país mais feliz do mundo, fiquei em dúvida se li a coisa certa. Ai, ai, ai...

Então, pensei: onde se situam os países do primeiro mundo; como se sente um povo que convive com avançadas tecnologias, tendo uma maior qualidade de vida, uma menor desigualdade social e econômica; como se sente um povo com melhor educação e com salários mais justos. Estarão esses países no final da lista?

Mas gostaria de saber por que um país emergente, que está entre os 12 países com maior desigualdade do mundo, como o nosso, pode ser considerado o país mais feliz de uma imensa lista? Somos felizes ou barulhentos, apenas? Como podemos ser o país mais feliz? Será pela nossa mistura de raças? Pela nossa bela musicalidade ou por não existir tsunamis e terremotos? Será por sermos um país tropical, com muito sol? Será por termos um Carnaval em que todos podem se transformar em reis e rainhas? Pelo nosso futebol? Por não termos mais ditadura e por sermos um povo mais pacífico? Será pelas novas descobertas de petróleo? Pelas nossas riquezas naturais ou por sermos uma respeitada promessa futura? Sei lá. Mas haverei de descobrir porque somos tão felizes se a maioria do nosso povo é pobre e mal assistido. E certas regiões são tão carentes que chegam a dar dó. Que engraçado isso, não é?

Se passearmos pelas favelas das grandes cidades, pelos hospitais populares sucateados, pelos postos de saúde das vilas, se pararmos para pensar na insegurança em que vivemos dentro e fora de casa, se pensarmos no ensino brasileiro (mais carente do que nunca), se pensarmos numa polícia mal paga, se andarmos por nossas estradas esburacadas e, ainda, se fixarmos nossos olhos na corrupção que reina como soberana absoluta...

Aí, penso cá com meus botões: como está difícil de entender esse nosso estado de euforia! Mas conseguimos esse glorioso primeiro lugar. Não é emocionante? Claro que é! De minha parte, estou muito feliz! Chego à conclusão que o brasileiro sorri feito louco e por nada. Essa felicidade, de que falam, não é coisa de hoje, ela é apontada pela quarta vez que somos o país campeão em felicidade. Que maravilha, hein?!

Foram ouvidas 200 mil pessoas no mundo e superamos 158 países. Imagino se tudo aqui funcionasse mais ou menos bem, acho que explodiríamos de tanta felicidade. Com tudo isso, não consigo entender nada. Mas qualquer dia eu entendo e comemoro minha readaptação como um feliz emergente.

Por Taís Luso de Carvalho

 

Falando em segurança... – Conforme e-mail recebido essa semana, uma residência na Rua Santa Clara, no Centro, foi invadida, em plenas 8h da manhã, por dois ladrões fortemente armados e que, num ato covarde, agrediram e amarraram os dois idosos proprietários do imóvel.

 

Falando em insegurança... – O problema é que o vizinho percebeu o fato e ainda acionou a polícia, dizendo o endereço correto da ocorrência, com as devidas referências (Pracinha do Ovo, Clínica Santo Antônio, Dom Aguirre etc.), mas o atendente não sabia onde mandar a viatura, fato esse que não ocorreu. O boletim de ocorrência foi feito pela vítima, que, mesmo machucada e abalada psicologicamente, compareceu ao Plantão Policial. Já os bandidos fugiram pela Avenida José Gomes da Rocha Leal e ponto final. Que coisa, hein?! 

 

Falando em pedágio... – Notícia boa com novo sistema – Em breve, surgirá um novo sistema nas estradas estaduais paulistas para não se pagar o trecho que não usar, como é cobrado atualmente. Haverá antenas ao longo das rodovias e leitura automática das “TAG’s”, identificando os veículos e registrando o valor proporcional ao que foi efetivamente percorrido por cada um deles.  De certa forma, será um “pedágio virtual”. Sem barreiras e sem as cabines de cobrança. O novo sistema será implantado a partir do ano que vem e vai até fins de 2014 de modo a evitar as correrias nos postos de troca. Um projeto piloto está sendo desenvolvido na Rodovia Santos Dumont (SP-75), no trecho entre Itu (km 15) e Campinas (km 77,6). A partir de abril, os cidadãos que quiserem participar do projeto podem aderir gratuitamente. Todas as informações estão disponíveis no site da Artesp. Não há custo de adesão e nem mensalidade.

 

Falando em arrecadação... – Já ultrapassa a marca de R$ 100 bilhões a arrecadação federal que inclui impostos, contribuições federais e demais receitas, como os royalties. O ano de 2012 teve início batendo recorde, pois, segundo informações divulgadas pela Secretaria da Receita Federal, a arrecadação somou R$ 102,57 bilhões em janeiro, o que representa um aumento real de 6,04% em relação ao mesmo período no ano anterior. E o governo ainda chora que faltam recursos! Bastaria acabar com essa absurda gastança federal, que não tem limites, e avançar cada vez mais rápido do que arrecada.

 

Falando em Festa do Peão... – Muito boa a estrutura montada para o evento de 2012, assim como a grade de shows, que é de excelente qualidade. Porém, o que continua sendo um absurdo são os valores cobrados na área de alimentação, onde cobram o que querem sem qualquer fiscalização.

 

Falando em televisão... – Uma no cravo – Na semana passada, critiquei o programa Unimed Cidade, que quase nos fez dormir. Já essa semana, o programa contou com a participação do advogado e historiador bragantino Dr. Aguirre. Ele voltou com seu dinamismo e assuntos pertinentes, discutidos com conhecimento e profissionalismo. Parabéns!

 

Falando em assaltos... – Essa semana, foi divulgado que a já famosa Gang das Loiras era comandada por uma morena. Por que será? Sacanagem, hein?!

 

Falando em Chico Anysio... – Sempre gostei de Chico Anysio e, embora ultimamente suas aparições na TV fossem mínimas, sendo poucos personagens, eu me tornei ainda mais seu fã, pois ele nunca precisou de “apelativos” para alcançar audiências. Chico sempre manteve seu tipo de humor, o que ele mesmo criou, lançou e por muito tempo foi sucesso total. O humor no estilo Chico Anysio está cada vez mais escasso, há muita vulgaridade e preconceito no ar, por isso, vou sentir sua falta e de seus personagens, que me fazem rir até hoje. Um salve para Azambuja, Pantaleão, Tim Tones, Alberto Roberto, Justo Veríssimo, Coalhada, Painho, Jovem, Bozó, Dr. Rosseti, Nazareno, Haroldo, Bento Carneiro, Professor Raimundo e muitos outros. Que Deus tenha recebido o Chico de braços abertos, pois aqui ele fez muita gente, rica e pobre, muito feliz!

 

Falando em cultura... – E a Secretaria de Cultura e Turismo de Bragança terá, em 2012, um orçamento superior a R$ 15 milhões. Provavelmente, o maior que essa secretaria já teve desde a sua implantação. É claro que parte da verba já possui destino definido, tais como: Teatro Carlos Gomes (será?), restauro do prédio do antigo Matadouro (está indo) e construção de um Centro de Convenções Municipal (duvido!). Essas obras consumirão aproximadamente R$ 8 milhões. Outra parcela, cerca de R$ 5 milhões, referente ao DADE (Departamento de Apoio ao Desenvolvimento das Estâncias Turísticas do Estado de São Paulo), será investida em obras de desassoreamento do Lago do Taboão (será?) e sinalização turística do chamado “corredor turístico da cidade” (sei não, hein?!). Já mais de R$ 1,5 milhão foram destinados ao Carnaval e cerca de R$ 330 mil serão investidos em convênios com entidades não governamentais (ai, ai, ai! Cuidado, hein?!). Restam ainda alguns milhões para investimento em outras ações durante o ano de 2012. Só é preciso saber quais, como e quando serão executadas. Ah, apenas para lembrar: este ano, coincidentemente, temos eleições municipais. 

 

É OURO! – Ótima iniciativa – A atitude da comissão organizadora da Expoagro 2012 em estabelecer um horário para visitação no local com entrada franca deve ser reconhecida e parabenizada, pois isso favorece aqueles que querem ir apenas para visitação, e não para assistir ao rodeio e aos grandes shows. Parabéns!  

 

É LATA! – Falando em multas... – Conforme o multômetro do amigo Sadan, as multas pagas em Bragança até este mês de março somam mais de um milhão e cem mil reais. Bem, sabendo-se que, além das multas, 50% do IPVA dos nossos carros ficam com a Prefeitura, até hoje já foram arrecadados mais de R$ 13 milhões. Pergunta: como andam as ruas e estradas municipais de nossa cidade?

 

Frase – “Está parecendo com rádio de interior, só faz barulho e não pega nada!”.

 

Piada – Ingenuidade

Ao chegar mais cedo em casa, o marido encontrou a mulher nua na cama, respirando ofegante.

– O que houve, querida? Você não está passando bem? – perguntou o marido, preocupado.

– Acho que é um ataque do coração – respondeu ela.

Ao ouvir isso, o marido correu feito um louco para o telefone para chamar um médico. Enquanto tentava discar, o filho chegou perto dele e avisou:

– “Paiê”, tem um homem pelado no banheiro.

O marido foi até lá, abriu a porta e deu de cara com o seu melhor amigo. Indignado, ele disse:

– Pelo amor de Deus, Toninho! Minha mulher está tendo um enfarte e você fica por aí assustando as crianças!

 

Até a semana que vem!

O conteúdo desta página requer uma versão mais recente do Adobe Flash Player.

Obter Adobe Flash player