O conteúdo desta página requer uma versão mais recente do Adobe Flash Player.

Obter Adobe Flash player

D. PEDRO OU WOLVERINE?

Somos tão independentes quanto o cara que mora sozinho, mas almoça na vó, lava a roupa na mãe e pega dinheiro do pai. Viva a independência! Pra completar nossa rebeldia, esse ano tivemos um 7 de setembro que, por ter caído num sábado, mais pareceu um pênalti pro São Paulo: não serviu pra nada.

 

O CONDEPHAC E A MELHORIA DO TRÂNSITO

Para resolver os problemas do trânsito bragantino precisamos de soluções estruturais. Uma via que tire os caminhões que fazem de Bragança “um atalho” entre a BR 381 e o Circuito das Águas seria uma boa solução, mas demora. Pequenas coisas podem ser feitas, mas pra isso devem ser estudadas. Na hora do nosso rush, quando o povo está com fome, Lavapés e Taboão ganham ares de 23 de maio. Suprimir algumas rotatórias do trajeto pode ser uma boa, e a Secretaria de Trânsito, em parceria com o Condephac estão estudando mudanças na Praça 9 de Julho, que podem trazer maior fluidez ao tráfego, mas, ao mesmo tempo, podem descaracterizar parte do nosso patrimônio cultural. Equilíbrio.

 

ESCOLAS PENSANTES, PROFESSORES PENSANTES, ALUNOS PENSANTES

Os resultados da Rede Municipal no Saresp desse ano colocou todos pra pensar. Nas palavras da secretária Huguette, “Os exames indicam que os alunos vão para as escolas estaduais com nível de aprendizagem relativo à 2ª série, apenas alfabetizados. O dilema está no fato de que nossos professores trabalham à exaustão seguindo o que indica a política nacional de educação que pede alunos pensantes, mas os alunos não conseguem se apropriar ou se interessar pelas disciplinas devido à metodologia de memorização e fixação do conhecimento. O desafio será mudar esta cultura equivocada”. Pois é, secretária, este é o desafio de todos nós que trabalhamos com educação em todos os níveis de ensino: transformar alunos em estudantes. A senhora está certíssima em sua última frase: “Mudar esta cultura equivocada”. O problema é que, como no trânsito bragantino, não basta tirar uma rotatória, precisamos de mudanças estruturais. Se queremos alunos críticos e criativos, que não saibam só dar respostas, mas também fazer  perguntas, temos que dar o exemplo. Se a escola for um “organismo pensante”, se os professores forem “seres pensantes”, consequentemente, os alunos se transformarão em estudantes. No caso específico da Rede Municipal, penso que as estratégias que a secretaria pretende adotar, como a análise das atividades aplicadas nas reuniões de HTPC, um professor acompanhando uma sala durante todo um ciclo de aprendizagem, podem trazer melhorias significativas. Ao mesmo tempo, não posso deixar de citar que tudo deve começar pela valorização do humano. Professores, diretores, coordenadores devem trabalhar tendo em mente que cada pessoa, cada profissional e cada estudante merece ser respeitada dentro de suas individualidades. Se cada um trabalhar na direção de extrair o que o outro tem de melhor, como faz um bom diretor de teatro com seus atores, nossas escolas serão lugares onde todos gostariam de estar.

 

ENFIM, O MUSEU

Goteiras, deterioração do patrimônio cultural e atrasos marcaram o período da reforma do Museu Municipal. Agora com tudo pronto, tire uma tarde pra prestigiar o recém reinaugurado museu.

 

ENFIM, A ETE

Depois de anos de discussão e pagamento da taxas por serviços que não eram executados, finalmente Bragança deverá entrar para o rol de municípios que tem 100% do seu esgoto tratado. A estação de tratamento está praticamente pronta. Mais alguns detalhes, como a instalação de coletores na José Gomes, e daremos mais um passo, tardio é verdade, em direção ao desenvolvimento. Antes tarde...

 

PROJETO IPTU ECOLÓGICO

Parabéns ao vereador Marcus Valle pela iniciativa de criar o projeto do “IPTU Ecológico”, premiando com um imposto mais baixo os cidadãos que tomarem em seus imóveis iniciativas que favoreçam o ambiente, como captação de água da chuva, uso de energia solar etc. Resta agora a Câmara aprovar em segundo turno.

 

ALINHAMENTO ASTRONÔMICO E POLÍTICO HONESTO

Um alinhamento entre corpos celestes é tão comum quanto um político honesto. Isso quer dizer que não é sempre que você tem uma oportunidade de ver um, astronômico leitor. No início da noite deste domingo, porém, seremos brindados com uma oportunidade. De ver um político honesto? Calma, veremos apenas um quase alinhamento entre a Terra, Lua e Vênus. Se morássemos em Florianópolis, veríamos um verdadeiro “eclipse venusiano”. Daqui vai dar pra ver, por volta das 19h, o planeta Vênus (que muitos chamam erroneamente de Estrela D’alva) bem pertinho da Lua. Já na noite seguinte, será possível ver também o planeta Saturno e a estrela Espiga (que na nossa bandeira representa o estado do Pará) por perto. Aproveite a oportunidade e faça um pedido. Quem sabe um político honesto?

 

PRA FINALIZAR

“Todos os homens buscam a felicidade. E não há exceção. Independentemente dos diversos meios que empregam, o fim é o mesmo. O que leva um homem a lançar-se à guerra e outros a evitá-la é o mesmo desejo, embora revestido de visões diferentes. O desejo só dá o último passo com este fim. É isto que motiva as ações de todos os homens, mesmo dos que tiram a própria vida.” (Blaise Pascal)

O conteúdo desta página requer uma versão mais recente do Adobe Flash Player.

Obter Adobe Flash player