O conteúdo desta página requer uma versão mais recente do Adobe Flash Player.

Obter Adobe Flash player

Bragantino faz o dever de casa e consegue importante vitória contra a vice-líder Chapecoense por 1 a 0

O C. A. Bragantino não fez uma partida boa, mas conquistou três pontos importantíssimos ao derrotar a vice-líder Chapecoense por 1 a 0, em jogo disputado na tarde desse sábado, 24, e válido pela 17ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série B de 2013. O gol do Braga foi marcado no primeiro tempo em cobrança de falta do meio-campista Geovanni. 

Com mais esses três pontos conquistados em casa, o Massa Bruta chega aos 25 e assume a 9ª posição na classificação do campeonato.

Na próxima rodada, o Bragantino joga novamente em Bragança no sábado, 31, contra o Paysandu-PA às 16h20 no Marcelão.

 

PRIMEIRO TEMPO: CHAPECOENSE TEM UM JOGADOR

EXPULSO

O C. A. Bragantino entrou em campo nesse sábado, querendo a reabilitação no Brasileirão da Série B, já que o time vinha de uma goleada diante do Icasa fora de casa. Entretanto o adversário do Braga veio a Bragança também querendo a vitória para continuar na cola do líder do campeonato, o Palmeiras.

O jogo começou com muita marcação e a equipe catarinense mostrou que é  um time de muita pegada e que faz muitas faltas, sendo que teve um jogador expulso e dois receberam cartão amarelo na primeira etapa.

O Braga, desde o início da partida, mostrou que tinha um só objetivo, ou seja, a vitória. E o Massa Bruta, de tanto pressionar, abriu o placar aos 37 minutos, numa falta cobrada com categoria pelo meia Geovanni.

SEGUNDO TEMPO: BRAGANTINO SÓ ADMINISTRA O RESULTADO

O Braga voltou com uma substituição para a segunda etapa. Saiu Leo Jaime, que não jogava bem, pois vinha de uma contusão e não estava na sua melhor forma. Em seu lugar entrou o jovem Franklin. A Chapecoense também voltou com mudanças. Saíram Danilinho e Bruno Rangel e entraram Caion e Soares. 

O segundo tempo começou com o Braga administrando o resultado e a Chapecoense, com um jogador a menos, não mostrava força para reagir.

Aos nove minutos, o lateral direito Fabiano, da Chapecoense, quase mandou a bola para as próprias redes, ao tentar recuo para Nivaldo. Quase um gol contra.

Aos 17 minutos, o atacante Caion tentou voleio dentro da grande área e mandou a bola pelo lado direito assustando o goleiro Leandro Santos.

Aos 23 minutos, o técnico Vágner Benazzi fez duas substituições no Braga. Saíram Tiaguinho e Carlinhos. Entraram Yago e Dudu. 

Aos 24 minutos, Diego Macedo passou fácil por Ânderson Pico e chutou forte no canto esquerdo de Nivaldo, que caiu para fazer grande defesa. Logo em seguida, a Chapecoense fez sua última substituição. Saiu Ân-derson Pico e entrou Fabinho Gaúcho.

O jogo estava muito truncado. Aos 30 minutos, a Chapecoense chegou com perigo. Paulinho Dias alçou a bola na área do Bragantino, ela passou por Caion, mas caiu nos pés de Soares, que chutou por cima do gol de Leandro Santos.

Aos 37 minutos. O time visitante chegou outra vez ao gol de Leandro Santos. Soares cruzou a bola na segunda trave, Caion, de cabeça, quase marcou o gol de empate.

Logo em seguida, o Massa Bruta deu o troco. Diego Macedo recebeu em posição regular e cruzou nos pés de Lincom, que tinha o gol aberto à sua frente. O atacante pegou mal na bola e perdeu gol feito.

O árbitro assinalou quatro minutos de acréscimos. No último lance do jogo, o Braga quase ampliou o marcador. Dudu fez bela jogada pela esquerda, passou bem pelo marcador, entrou na área e finalizou. Bem colocado, Nivaldo fez boa defesa. Aos 49 minutos, o árbitro encerrou a partida.

 

FICHA TÉCNICA

17ª RODADA DO PRIMEIRO TURNO DO CAMPEONATO

BRASILEIRO DA SÉRIE B DE 2013

 

Local: Marcelão em Bragança Paulista

Data: 24 de agosto de 2013 (sábado)

Árbitro: Marcelo de Lima Henrique, que foi auxiliado por Janette Mara Arcanjo e Marconi Helbert Vieira

Renda: R$ 12. 357, 25

Público: 855 pagantes

 

BRAGANTINO - 1 

Leandro Santos; Diego Macedo, Raphael Andrade, Kadu e Leo Jaime (Franklin); Elias, Carlinhos (Dudu), Gustavo e Geovanni; Tiaguinho (Yago) e Lincom.

Técnico: Vágner Benazzi.

Gols: Geovanni (falta), aos 37’/1T.

Cartões amarelos: Elias e Geovanni.

 

CHAPECOENSE - 0  

Nivaldo; Fabiano, Rafael Lima, André Paulino e Ânderson Pico (Fabinho Gaúcho); Glaydson, Paulinho Dias, Danilinho (Caion) e Athos; Fabinho Alves e Bruno Rangel (Soares).

Técnico: Gilmar Dal Pozzo.

Cartões amarelos: Athos, Danilinho e Ânderson Pico.

Cartão vermelho: Athos.

 

CLASSIFICAÇÃO DO BRASILEIRÃO DA SÉRIE B - 2013

Pos.

Clube

PG

J

V

E

D

GP

GC

SG

A%

1º

Palmeiras-SP

40

17

13

1

3

34

13

21

78,4

2º

Chapecoense-SC

36

16

11

3

2

34

15

19

75

3º

Sport-PE

30

17

10

0

7

31

27

4

58,8

4º

Paraná-PR

30

17

8

6

3

25

13

12

58,8

5º

Boa Esporte-MG

29

17

8

5

4

17

17

0

56,9

6º

Joinville-SC

27

17

8

3

6

29

19

10

52,9

7º

América-MG

27

17

7

6

4

29

24

5

52,9

8º

Avaí-SC

26

17

7

5

5

25

23

2

51

9º

Bragantino-SP

25

17

7

4

6

18

17

1

49

10º

Figueirense-SC

23

16

7

2

7

31

28

3

47,9

11º

Icasa-CE

22

16

7

1

8

23

30

-7

45,8

12º

Ceará-CE

21

17

5

6

6

21

21

0

41,2

13º

ASA-AL

19

17

6

1

10

20

28

-8

37,3

14º

Oeste-SP

19

16

5

4

7

14

22

-8

39,6

15º

Guaratinguetá-SP

18

17

5

3

9

20

27

-7

35,3

16º

Atlético-GO

17

17

5

2

10

13

24

-11

33,3

17º

São Caetano-SP

16

17

4

4

9

18

21

-3

31,4

18º

Paysandu-PA

15

16

4

3

9

18

26

-8

31,3

19º

América-RN

15

16

3

6

7

17

26

-9

31,3

20º

ABC-RN

11

17

2

5

10

13

29

-16

21,6

                     

O conteúdo desta página requer uma versão mais recente do Adobe Flash Player.

Obter Adobe Flash player