O conteúdo desta página requer uma versão mais recente do Adobe Flash Player.

Obter Adobe Flash player

A caminho da conquista do hexa: Brasil enfrenta o México nesta segunda-feira pelas oitavas de final da Copa do Mundo da Rússia 2018

Matéria publicada na edição de 30 de junho de 2018

 

Depois da vitória sobre a Sérvia, por 2 a 0, e a classificação para as oitavas de final da Copa do Mundo da Rússia 2018, a seleção brasileira agora está se preparando para o difícil duelo que terá pela frente na fase de mata-mata do mundial diante da seleção mexicana.

O jogo contra o México acontecerá nesta segunda-feira, 2,  em Samara, às 11h (horário de Brasília).

O Brasil classificou-se para as oitavas de final como primeiro colocado do Grupo E, com sete pontos ganhos, já o México foi o segundo do Grupo F, com seis pontos.

MÉXICO É FREGUÊS DO BRASIL EM MUNDIAIS

Vai ser a quinta vez que as duas seleções se encontram em mundiais. No histórico, vantagem do Brasil. São três vitórias e um empate. Os duelos aconteceram em 1950 (Brasil), 1954 (Suíça), 1962 (Chile) e 2014 (Brasil). Nesse último encontro, rolou o único empate do duelo em 0 a 0. Além disso, um dos mundiais brasileiros foi conquistado em terras mexicanas, no tricampeonato de 1970, que estreitou ainda mais a relação apaixonada pelo futebol entre os dois países. 

No último encontro entre as duas seleções, vitória brasileira por 2 a 0, em amistoso realizado em 2015, com gols de Diego Tardelli e Philippe Coutinho. Em toda a história, são 39 jogos disputados, com 22 vitórias do Brasil, 10 para o México e sete empates. 

Mesmo com todos esses números, a força da seleção mexicana assusta a seleção verde e amarela, até porque, em duelos recentes, o Brasil se complicou. Entretanto, uma importante estatística está a favor do time do técnico Tite: o México nunca marcou nenhum gol contra o Brasil em Copas do Mundo.

MARCELO É A DÚVIDA

O elenco da seleção brasileira continua treinando forte visando ao jogo decisivo desta segunda-feira, 2, contra o México. A princípio, o técnico Tite deve manter a mesma equipe que venceu a Sérvia com Felipe Luís no lugar de Marcelo, poupado dos treinamentos dessa sexta-feira, por ainda estar se recuperando de uma contratura na região lombar. Caso o departamento médico da seleção libere o lateral do Real Madrid, ele assume a titularidade na ala esquerda novamente. 

O lateral-direito Danilo, com lesão no quadril, está em recuperação mais avançada e deve voltar a ser relacionado pelo técnico Tite. Já o atacante Douglas Costa, com lesão na coxa direita, vai demorar mais tempo para voltar ao time.

ZAGUEIRO HECTOR MORENO DESFALCA O MÉXICO

A seleção mexicana terá uma baixa importante para o duelo contra o Brasil. O zagueiro Hector Moreno levou o segundo amarelo na derrota, por 3 a 0, para a Suécia, e vai desfalcar sua seleção no jogo desta segunda-feira.

O jogador de 30 anos, que pertence ao Real Sociedad, da Espanha, deve fazer falta para a seleção mexicana, uma vez que é um dos atletas com mais atuações na Era Juan Carlos Osório. Seu provável substituto é Hugo Ayala, do Tigres, do México, que já atuou contra os alemães na estreia no mundial.

 

O conteúdo desta página requer uma versão mais recente do Adobe Flash Player.

Obter Adobe Flash player