O conteúdo desta página requer uma versão mais recente do Adobe Flash Player.

Obter Adobe Flash player

IPTU complementar: menos de um terço dos contribuintes deve ser atendido até dia 20

Matéria publicada na edição de 8 de outubro de 2017

Neste domingo, 8, haverá plantão de atendimento até as 13h

O assunto mais comentado da última semana foi o IPTU (Imposto Predial e Territorial Urbano) complementar. Conforme as notificações e boletos para pagamento do imposto adicional enviado pela Prefeitura estão chegando, os milhares de contribuintes afetados têm se preocupado com a questão.

Em muitos casos, há divergências entre a área construída apurada e a que realmente existe, o que faz com que os proprietários dos imóveis nessa situação tenham de procurar a Central Agiliza a fim de pedir a correção dos dados.

A princípio, o prazo para contestar a cobrança ia até 10 de outubro. Na última semana, a Administração estendeu o período para até o dia 20 de outubro, dando a possibilidade de os contribuintes também parcelarem em mais vezes o pagamento. Em vez de apenas três parcelas, é possível parcelar em até 12 meses.

Para contestar a cobrança ou solicitar o parcelamento em 12 vezes, o contribuinte deve procurar o Agiliza, que fica no salão nobre da Prefeitura. Nesse sábado, 7, desde a primeira hora de atendimento, o movimento era intenso. Alguns munícipes estavam voltando pela segunda vez, para complementar documentos a fim de contestar a área construída. Outros procuravam informações, pois tinham recebido a notificação havia poucos dias.

De acordo com os funcionários que estavam trabalhando, o Agiliza já fez cerca de 1.500 atendimentos até esse sábado, 7. Em média, 300 contribuintes são atendidos por dia.

Ao considerar que até o dia 20 de outubro a Prefeitura poderá oferecer nove dias de atendimento, mais 2.700 munícipes poderão ser atendidos. Com isso, não se está levando em conta os dias 13, 14 e 15, pois a Prefeitura ainda não informou que o Agiliza funcionará nesses dias. Caso funcione, o número de atendimentos pode alcançar 3.600 contribuintes, o que quer dizer que mesmo assim, nem um terço será atendido até a data estipulada pela Administração.

O vereador Marcus Valle vem insistindo que a Prefeitura tem de aumentar o prazo para contestações, a fim de dar o direito de ampla defesa aos contribuintes. Porém, por enquanto, a Administração Jesus/Amauri ainda não sinalizou nova ampliação de prazo nem aumento do número de parcelas, que também foi solicitado por outros vereadores.

Neste domingo, 8, o Agiliza também funciona, das 9h às 13h, para atendimento exclusivo sobre o IPTU complementar e o Refis (Programa de Recuperação Fiscal).

 

O conteúdo desta página requer uma versão mais recente do Adobe Flash Player.

Obter Adobe Flash player