O conteúdo desta página requer uma versão mais recente do Adobe Flash Player.

Obter Adobe Flash player

Vereadores de Vargem mantêm Silas Marques no cargo de prefeito

Matéria publicada na edição de 21 de setembro de 2017

 

Na tarde dessa terça-feira, 19, a Câmara do município de Vargem realizou sessão extraordinária a fim de votar o parecer da Comissão Processante formada para investigar supostas irregularidades cometidas pelo prefeito Silas Marques da Rosa. A maioria dos legisladores aprovou o parecer, que indicava a cassação do prefeito. Porém, o número não atingiu os dois terços necessários e, assim, Silas foi absolvido.

A Câmara de Vargem tem nove vereadores. Cinco deles votaram a favor do parecer da comissão, ou seja, a favor da cassação de Silas. Mas a medida só se concretizaria se seis vereadores, o que corresponde a dois terços, aprovassem o parecer.

Silas foi investigado por ter nomeado seu pai, Daniel Marques da Rosa, em um cargo na Prefeitura e por ter autorizado gastos excessivos com o pagamento de servidores.

Apesar da absolvição de Silas na Câmara, a denúncia deve ser encaminhada ao Ministério Público.

O conteúdo desta página requer uma versão mais recente do Adobe Flash Player.

Obter Adobe Flash player