O conteúdo desta página requer uma versão mais recente do Adobe Flash Player.

Obter Adobe Flash player

Comissão de Justiça convida DER para discutir limite de velocidade na Estrada Bragança-Itatiba

Matéria publicada na edição de 6 de agosto de 2017

 

Vereadores vão propor ao órgão limites diferenciados em diferentes trechos da via

 

A Comissão de Justiça enviou, na última terça-feira, 1º, ofício ao DER (Departamento Estadual de Estradas e Rodagem) solicitando encontro para debate sobre os limites de velocidade da estrada que liga Bragança Paulista a Itatiba (Rodovia Alkindar Monteiro Junqueira).

Durante a 26ª sessão semanal da comissão, os vereadores relataram os riscos de acidentes provocados por ultrapassagens em trechos com capacidade de rodagem superior a 60 km/h.

O vereador Marcus Valle, que é um dos integrantes da Comissão de Justiça vem abordando o assunto há certo tempo. O DER fixou em toda a extensão da rodovia o limite de velocidade de 60 km/h, porém, para o vereador, a medida pode acarretar acidentes em trechos onde é possível transitar em uma velocidade superior.

Além disso, Marcus apontou que muitos motoristas que ainda não estão acostumados a esse limite acabam passando em velocidade maior e sendo multados, o que pode configurar a medida do DER como uma fábrica de multas.

Em março deste ano, o vereador já encaminhou documento ao órgão a fim de pedir que a velocidade máxima na rodovia fosse alterada para 80 km/h, mas a resposta foi negativa. O DER justificou que utilizou os índices de acidentes de 2016 nesta rodovia para fixar esse limite de velocidade.

Além de Marcus, a Comissão de Justiça é composta pelos vereadores Marco Antônio Marcolino (presidente), Cláudio Moreno (vice), Basílio Zecchini Filho e Ditinho Bueno.

O conteúdo desta página requer uma versão mais recente do Adobe Flash Player.

Obter Adobe Flash player