O conteúdo desta página requer uma versão mais recente do Adobe Flash Player.

Obter Adobe Flash player

Bragantino empata com o Ypiranga e acumula oito jogos sem vencer

Matéria publicada na edição de 1º de agosto de 2017

 

Mais uma partida sem vencer. O C. A. Bragantino já acumula oito jogos sem vitórias no Campeonato Brasileiro da Série C e o técnico Roberto Fonseca também segue sem vitórias no comando da equipe. Em quatro partidas, o treinador conquistou três empates e uma derrota.

No último domingo, 30, jogando na cidade de Erechim, interior do Rio Grande do Sul, o Massa Bruta não saiu do 0 a 0 contra o Ypiranga, em  partida disputada no Estádio Colosso da Lagoa, e válida pela 12ª rodada da primeira fase do campeonato nacional.

O resultado foi péssimo para o Braga, que continua na zona de rebaixamento no Grupo B, na vice-lanterna, com 12 pontos. O time gaúcho, que também não vence no Brasileirão há quatro jogos, está na sexta posição, com 15 pontos, sendo três a mais que o Alvinegro das Pedras.

O resultado só não foi mais desastroso para o Braga pelo fato de o Macaé, primeiro time fora da zona da degola, ter empatado, em casa, com o São Bento. Sendo assim, a vantagem do time carioca para o Massa Bruta continua no critério de desempate, haja vista que as duas equipes estão com o mesmo número de pontos.

PRÓXIMA PARTIDA DO BRAGA SERÁ EM CASA

O C. A. Bragantino terá uma semana cheia para treinar e recuperar alguns jogadores, pois o time só volta a campo pelo Brasileirão da Série C, no próximo sábado, 5, para enfrentar, às 16h, no Marcelão, o lanterna do grupo, o Mogi Mirim.

FICHA TÉCNICA

12ª RODADA DA PRIMEIRA FASE DO BRASILEIRÃO DA SÉRIE C DE 2017 – GRUPO B

 

Local: Colosso da Lagoa, em Erechim

Data: 30 de julho de 2017 (domingo)

Árbitro: Leo Simão Holanda, que foi auxiliado por Arnaldo Rodrigues de Souza e Renan Aguiar da Costa

Quarto árbitro: Jônathan Benkenstein Pinheiro

 

YPIRANGA – 0

Carlão, Márcio, Tairone, Carlão Farias, Henrique, Gabriel Araújo, Juninho (Wíliam), Carrilho, André Luís, Talles Cunha (Parede) e Pedro Ivo (Wíliam)

Técnico: Guilherme Macuglia

Cartões amarelos: Carrilho e Carlão Farias

 

BRAGANTINO – 0

Renan Rocha; Kellyton, Juliano, Guilherme Mattis, Fabiano; Adenílson, Marino (Matheus Peixoto), Édson Sitta, Rafael Chorão (Ânderson Ligeiro); Vítor e Éverton (Jobinho)

Técnico: Roberto Fonseca

Cartões amarelos: Édson Sitta, Adenílson, Kellyton, Juliano e Marino

Cartão vermelho: Jobinho

 

O conteúdo desta página requer uma versão mais recente do Adobe Flash Player.

Obter Adobe Flash player