O conteúdo desta página requer uma versão mais recente do Adobe Flash Player.

Obter Adobe Flash player

Ato Fora Temer em São Paulo terá a participação da União Bragantina

Matéria publicada na edição de 18 de maio de 2017

 

O país foi sacudido no início da noite de quarta-feira, 17, por denúncias envolvendo o presidente Michel Temer e o senador Aécio Neves.

Em delação premiada, o dono da empresa JBS, Joesley Batista, afirmou que teria gravado Temer aprovando o pagamento de “mesada” ao ex-presidente da Câmara, Eduardo Cunha. A medida seria para que Cunha permanecesse em silêncio.

Além disso, o senador Aécio Neves teria pedido R$ 2 milhões aos donos do frigorífico JBS, conforme depoimento de Joesley Batista, o que levou o ministro do STF (Supremo Tribunal Federal), Edson Fachin, a proibir Aécio de exercer as funções de senador.

O rebuliço político motivou uma série de atos de protestos contra o governo. Neste domingo, 21, ocorrerá na Avenida Paulista, a partir das 10h, o Ato Fora Temer e Eleições Gerais Já.

O protesto contará com a participação da União Bragantina em Defesa dos Trabalhadores, que está convidando toda a população a aderir e participar.

A União Bragantina é formada pelo Sindicato dos Metalúrgicos, Apeoesp (Sindicato dos Professores do Ensino Oficial do Estado de São Paulo), Acohab (Associação Comunitária de Habitação Popular de Braganca Paulista), Sismub (Sindicato dos Servidores e Trabalhadores Municipais de Bragança Paulista e Região), Sindicato dos Bancários, Sindicato dos Papeleiros, Sindicato dos Comerciários, Sinergia (Sindicato dos Trabalhadores Energéticos do estado de São Paulo), Frente de Esquerda de Bragança Paulista, Coletivo Feminista Rosa Não Cala e integrantes da sociedade em geral.


O conteúdo desta página requer uma versão mais recente do Adobe Flash Player.

Obter Adobe Flash player