O conteúdo desta página requer uma versão mais recente do Adobe Flash Player.

Obter Adobe Flash player

Instituto Entrando em Cena apresenta resultados atingidos entre 2012 e 2016

- Mais de 600 jovens participaram dos projetos de formação artística nas cidades de Bragança Paulista e Atibaia

- Cerca de 50 intervenções artísticas realizadas pelos jovens em espaços públicos das cidades de Bragança e Atibaia

- 12 espetáculos protagonizados pelos jovens do projeto foram produzidos, circularam e foram vistos por cerca de 10 mil pessoas

- Cerca de 30 oficinas de diferentes linguagens artísticas, além de diversas ações culturais, já foram oferecidas gratuitamente à comunidade em Bragança Paulista e Atibaia, atingindo cerca de mil pessoas

- 2 Festivais de Artes Cênicas foram realizados, sendo um em Bragança Paulista e um em Atibaia, com mais de 20 espetáculos diferentes apresentados gratuitamente, atingindo um público de 10 mil espectadores

- Em 2016, foram realizadas 24h de programação cultural em dois dias com cerca de 30 apresentações gratuitas realizadas por jovens do Entrando em Cena e grupos convidados e recebeu mais de mil pessoas

- 100 jovens foram formados como empreendedores socioculturais em Bragança e Atibaia por meio do projeto Entrando em Cena no Mundo

- Cerca de 25 projetos socioculturais foram elaborados e inscritos no Prêmio Entrando em Cena no Mundo, sendo 15 projetos implementados

- Incontáveis pessoas beneficiadas por meio dos projetos desenvolvidos através dos jovens empreendedores formados pelo Entrando em Cena no Mundo

- Produção do “Guia de Elaboração de Projetos Socioculturais” disponível gratuitamente na internet: www.entrando emcena.org.br

- Cerca de R$1.500.000,00 (um milhão e meio) investidos na Cultura, através de ações sociais, captados principalmente junto à iniciativa privada, por meio de Leis de Incentivo à Cultura

- Equipe de 15 pessoas contratadas trabalhando diretamente em todos os projetos (áreas artístico-pedagógica, coordenação, produção, comunicação, administração)

- Contratação de diversos prestadores de serviço da região gerando uma economia criativa local

- Três jovens alunos contratados como monitores

- Diversos jovens se profissionalizando, alçando voos e trabalhando no setor criativo como artistas, produtores culturais e professores

- Ocupação de equipamentos públicos através de parcerias com as prefeituras locais fomentando a cultura e a arte nas cidades de Bragança e Atibaia

- Promoção do direito cultural e da inclusão social de jovens e cidadãos de Bragança Paulista e Atibaia conforme assegurado na Constituição Brasileira

- Formação de artistas, espectadores, agentes culturais e sociais, produtores de uma arte transformadora

 

O conteúdo desta página requer uma versão mais recente do Adobe Flash Player.

Obter Adobe Flash player