O conteúdo desta página requer uma versão mais recente do Adobe Flash Player.

Obter Adobe Flash player

Quase R$ 1 milhão gasto na recuperação da Alziro de Oliveira e o trecho está cedendo novamente

Onde estão os R$ 907 mil gastos na Avenida Alziro de Oliveira pela Prefeitura de Bragança Paulista? Esse questionamento passa pela mente dos moradores da região do Jardim do Cedro e Jardim Santa Lúcia e da população bragantina como um todo.

O motivo da indagação é que oito meses se passaram da conclusão das obras de recuperação do trecho e o asfalto está se desfazendo em pelo menos cinco pontos da avenida, que, além disso, está novamente cedendo.

Para quem não se lembra, um trecho da Alziro de Oliveira caiu em janeiro de 2011, na época de chuvas. Sete meses se passaram até que a Prefeitura contratasse empresa para realizar a obra. A vencedora da licitação foi a Panteon Engenharia Comércio e Construções Ltda., que conquistou o primeiro lugar na concorrência pelo valor de R$ 733 mil. Porém, o contrato foi aditado em setembro de 2011, passando a custar cerca de R$ 907 mil.

Porém, nem um ano se passou e o asfalto colocado mostra a qualidade do serviço. Há cinco pontos do trecho de avenida em que placas de asfalto estão se desprendendo ou esfarelando. A extensão do problema chega a ocupar praticamente metade da rua.

A péssima condição do trecho obriga motoristas a desviar, fazendo ziguezague e invadindo a contramão de direção. Com isso, o risco de acidentes é evidente.

Em abril, a coluna “Bragança Sem Manutenção” já havia tratado do assunto e denunciado o problema como mau uso do dinheiro público. Agora, reiteramos o questionamento. A Prefeitura vai consertar o trecho, gastando dinheiro público novamente, por meio dos funcionários da Secretaria de Serviços, ou vai notificar a empresa responsável pela obra para refazê-lo? Afinal, não é possível que não haja garantias para os serviços prestados ao município. Ainda mais quando estamos falando de quase R$ 1 milhão e de um serviço que foi concluído há cerca de oito meses.

Já passou da hora de agir, prefeito!

 

Os leitores podem enviar sugestões de lugares que estão merecendo manutenção da Prefeitura. As informações serão analisadas e se constatada a relevância do fato, a reportagem do Jornal Em Dia estará no local para fotografar e verificar as reclamações. Basta enviar um e-mail para jornal@jornalem dia.com.br ou telefonar para (11) 4033-8383.

Publicidade

O conteúdo desta página requer uma versão mais recente do Adobe Flash Player.

Obter Adobe Flash player